Inusitados e bem típicos, são eles que guardam as mais autênticas tradições culturais

Com a chegada do verão na Europa, entra em cartaz uma diversificada agenda de Festivais. Há os clássicos de música, de gastronomia, e artes variadas que invadem as grandes capitais do continente, e há outros mais singelos, nas pequenas cidades e vilas, longe dos holofotes turísticos de primeira grandeza.

Festival de verão na Europa

Durante o verão na Europa o turista mergulha na cultura das várias regiões (Fotos: Divulgação)

Inusitados e bem típicos, são esses que guardam as mais autênticas tradições culturais.

Verão na Europa = Festival do Burro e o Gaiteiro

Um bom exemplo é o Festival do Burro e do Gaiteiro, que acontece na região portuguesa de Bragança, especificamente na cidade de Miranda do Douro, de 25 a 29 de julho.

Este é um festival itinerante, que viaja entre as aldeias vizinhas, lembrando os antigos menestréis que, montados nos burros, levavam música e diversão para as cidades medievais.

Em pleno século 21 eles chegam tocando gaita de foles, montados em seus burros, e são recebidos pela população e pelos turistas que, juntos, participam de banquetes com pratos típicos, degustação de vinhos, oficinas de música, dança e pintura.

Festival de verão na Europa

O Festival da Lavanda é um ótimo pretexto para embarcar para a França

Verão na Europa = Festival da Lavanda

De 3 a 7 de agosto em Digne-les-Bains, na francesíssima Provence, acontece o Festival da Lavanda.

O tema aqui é a lavanda, aquelas perfumadas florezinhas lilás responsáveis por deixar o mundo mais bonito e cheiroso.

Às vésperas da colheita dos campos cobertos com as flores, o Festival da Lavanda tem de fogos de artifícios a desfiles de carros alegóricos e, é claro, barracas espalhadas pelo centro da cidade vendendo de perfumes a sabonetes e até doces e outras iguarias feitos com plantinha.

Quem vai ao Festival da Lavanda pode esticar e chegar até Nice, na Riviera Francesa, num percurso belíssimo, feito de carro, que tem mais ou menos 3 horas de duração e passa por florestas de pinheiros e penhascos impressionantemente belos.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

code