Documento divulgado pela ABIH-SP se baseou em análise de dados de ocupação dos últimos anos, no estado

Para os profissionais do setor a ABIH-SP divulgou um estudo mostrando projeções e desafios para 2018, tanto no setor hoteleiro quanto na indústria do turismo paulista.

Evidente são os sinais de retomada da economia desde o 2º semestre de 2017. Para 2018 a projeção é mais solidez, em especial no turismo de negócios.

“Projetamos que neste 1º semestre teremos um crescimento de 5% a 7% na taxa de ocupação hoteleira. Já a demanda no turismo de eventos, corporativo e lazer deverá crescer de 9% a 12%. Estes números se referem ao comparativo com os mesmos meses dos 3 anos anteriores.

Para o turismo, a aprovação dos jogos, mais especificamente dos cassinos, possibilitarão a captação de bilhões de dólares em produtos turísticos em diversas partes do Brasil”,

Bruno Omori – Presidente da ABIH-SP

Ainda segundo o presidente da ABIH-SP, um cenário político mais estabilizado, bem como algumas importantes votações, como a reforma da previdência, devem aumentar o otimismo do mercado.

Bruno Omori, Presidente da ABIH-SP

Bruno Omori, Presidente da ABIH-SP (Foto: Divulgação)

O executivo acrescenta que esse crescimento deverá continuar no segundo semestre, entre 6% a 8%. Na época da definição das eleições, poderá haver uma alteração do cenário macroeconômico do país. Tudo depende do novo presidente.

Entre as ações programadas pela ABIH-SP está a realização da 6º Congresso SEHGA – Sinergia Estratégica entre a Hotelaria, Governo, Academia e Trade Turístico. Ele será simultâneo com a Expotel – Feira Internacional para Hotelaria.

Na Expotel serão discutidos 3 temas estratégicos = Sustentabilidade + Acessibilidade e Inclusão Social + Segurança. Também será apresentado um Hotel Modelo que contenha esse tripé em sua concepção.

A ABIH-SP também realizará reuniões setoriais nos principais destinos turísticos do Estado de SP. Por fim, dará início na formatação do Livro dos 70 anos da entidade, a ser publicado em 2019.

“Apresentaremos diversos projetos estratégicos e utilizaremos de forma contundente os canais de comunicação – TV, Portal, Revista, Newsletter e Feira – posicionados para defender e desenvolver a hotelaria e turismo paulista”.

Bruno Omori

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

code