A metrópole alemã guarda uma história impressionante que merece ser compartilhada através de livros essenciais para o viajante

O viajante que deseja realmente conhecer um destino precisa incluir literatura de viagem para aumentar sua bagagem de conhecimento sobre a região que vai visitar.

Literatura de viagem ou livros bem escritos que narram a história de uma cidade, região ou país, são ao mesmo tempo enriquecedores e informativos.

O livro Berlim 1961 é da Companhia das Letras

O livro Berlim: 1961, escrito por Frederick Kempe, é da Companhia das Letras (Foto: Divulgação)

A TRAVEL3 sugere 2 livros para quem vai visitar a Alemanha. Ambos mostram nuances da história do país através da história de sua capital, Berlim.

O 1º livro é Berlim: 1961, que conta a história da cidade durante a Guerra Fria, e o ápice dos acontecimentos que culminaram com a construção do famigerado Muro de Berlim.

Escrito por Frederick Kempe, é espetacular e conta a história de uma maneira emocionante, talvez porque a história daquele tempo tenha sido realmente um triller de suspense.

Berlim Agora é da Rocco Editora

Berlim Agora – A cidade depois do muro é da Rocco Editora

Ao acaso escolhemos um trecho do livro para ler, só para você entender que cada página guarda uma emoção:

“Às 10 horas da manhã o presidente francês Charles De Gaulle recebera o presidente Kennedy no aeroporto de Orly, num imenso tapete vermelho, diante de 50 Citroëns pretos e da guarda de honra. Os 2 homens passaram o dia circulando, lado a lado.

Por trás de todo aquele teatro estava um presidente americano casado, abatido, mal preparado para seu encontro com Nikita Khruschov, líder da União Soviética. Nos Estados Unidos, Kennedy enfrentava violentos confrontos raciais que explodiram no Sul do país, com os afrodescendentes decididos a acabar com 2 séculos de opressão”.

O 2º livro é Berlim Agora, a cidade depois do Muro. Escrito por Peter Schneider, mostra como Berlim renasceu depois da queda do Muro, que transformou o país inteiro, e fez os alemães serem, no futebol inclusive, a potência que são hoje.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

code